O Rock n’ Roll é um dos estilos musicais mais difundidos no mundo. Devido a sua popularidade nada mais natural que ter um dia para celebrar esse ritmo que arrasta multidões. Embora seus adeptos sejam vistos como “baderneiros demoníacos”, a motivação que culminou na criação de uma data comemorativa para o estilo é muito nobre, mostrando que os grandes nomes do rock são pessoas sensíveis e engajadas com ações que visam o bem estar do próximo.
Em 13 de julho de 1985, Bob Geldof organizou o Live Aid, um show simultâneo em Londres, na Inglaterra e na Filadélfia, e nos Estados Unidos. O objetivo principal era o fim da fome na Etiópia. O evento chamou a atenção por contar com a presença de muitos artistas famosos na época. Entre os participantes, estavam The Who, Led Zeppelin, Dire Straits, Madonna, Queen, Joan Baez, David Bowie, BB King, Mick Jagger, Sting, Scorpions, U2, Paul McCartney, Phil Collins (que tocou nos dois lugares), Eric Clapton e Black Sabbath. Os shows foram transmitidos ao vivo pela BBC para diversos países e abriram os olhos do mundo para a miséria no continente africano.
Em 2005, 20 anos depois do primeiro evento, Bob Geldof organizou o Live 8, uma nova edição com estrutura maior e shows em mais países. Dessa vez o objetivo foi pressionar os líderes do G8 para perdoar a dívida externa dos países mais pobres e erradicar a miséria do mundo.
No Live 8 o Grupo de rock britânico Pink Floyd se reuniu em sua formação clássica pela primeira vez depois de 20 anos de separação.
Não é à toa que o rock esteja ligado às causas humanitárias e também não é por acaso que tenha um ímpeto contestador, pois tem suas origens nas musicas de trabalho cantadas pelos negros escravizados nas plantações de algodão do sul dos Estados unidos. Para suportar as longas jornadas os negros entoavam cantigas trazidas da áfrica em sua memória e que através da sua oralidade ancestral iam sendo repassadas aos seus descendentes. As músicas continham a tristeza e as injustiças vividas por eles no seu dia a dia. Mais tarde essas canções deram origem ao Blues, que junto com o country foi o estilo responsável pelo surgimento do rock.
Portanto ao relembrarmos essa data temos de salientar o poder que a música possui para impulsionar ações de resgate dos preceitos cristãos e de atenção as minorias desfavorecidas. Mesmo no rock, estilo esse que já sofreu com o preconceito no passado, podemos encontrar exemplos de sabedoria nos corações de homens e mulheres que ainda não foram distorcidos pelas freqüências da ganância e do ódio! Que os gritos sejam de alegria e que as guitarras tragam canções de paz!

Dieison Siqueira
Educador – Oficina de Música

Faça sua doação