Warning: "continue" targeting switch is equivalent to "break". Did you mean to use "continue 2"? in /home/cpcaorgb/public_html/wp-content/plugins/revslider/includes/operations.class.php on line 2722

Warning: "continue" targeting switch is equivalent to "break". Did you mean to use "continue 2"? in /home/cpcaorgb/public_html/wp-content/plugins/revslider/includes/operations.class.php on line 2726

Warning: "continue" targeting switch is equivalent to "break". Did you mean to use "continue 2"? in /home/cpcaorgb/public_html/wp-content/plugins/revslider/includes/output.class.php on line 3624
Ação Rua – CPCA

Ação Rua

SERVIÇO DE ABORDAGEM SOCIAL

    O CPCA, através de Termo de Parceria, tem a tarefa de gerenciar 3 unidades de atendimento à abordagem social referenciadas aos CREAS Leste, Lomba e Partenon.

    Os Núcleos do Ação Rua são unidades específicas referenciadas ao CREAS de sua região. Através destas, incidirá nas situações de vulnerabilidades e riscos sociais, criando condições para o fortalecimento da capacidade de cuidado da rede familiar e comunitária, bem como a inclusão social e autonomia do indivíduo. As demandas de atendimento à situação de rua e trabalho infantil se originará: a) a partir do planejamento construído em equipe, b) do mapeamento sistemático realizado pela equipe, c) das solicitações da comunidade e serviços em geral, e d) a partir das solicitações encaminhadas pelo Sistema de Garantia de Direitos.

  • O horário de funcionamento será das 8h às 17h, em consonância com as peculiaridades regionais e de funcionamento dos CREAS e entidades parceiras. Manterá plantão, sob a estrutura da FASC/PSE, para realização de abordagens solicitadas de forma multigeracional, abrangendo toda a Cidade, nos finais de semana e feriados, das 9h às 19h. Considerará também orientações em tempos de pandemia, estabelecida pelos órgãos responsáveis pela biossegurança.

Objetivo Geral

O serviço tem por base: a criação, fortalecimento e ampliação dos vínculos com crianças, adolescentes, indivíduos e suas famílias, a matricialidade familiar, a articulação com a Rede de serviços e o atendimento socioassistencial.

Tem como objetivo geral, promover alternativas de enfrentamento ao trabalho infantil de violações de direitos vivenciadas por crianças, adolescentes, indivíduos e suas famílias em situação de rua moradia e ou sobrevivência, sensibilizando e articulando os serviços de proteção visando a garantia de direitos e a inclusão social. E ainda com os objetivos específicos de: identificar crianças, adolescentes e adultos em situação de rua com direitos violados, origem das vulnerabilidades, condições em que vivem, vínculo familiar, estratégias de sobrevivência, procedências, aspirações, desejos e relações estabelecidas com as instituições; observar, abordar e acompanhar crianças, adolescentes e adultos com seus direitos ameaçados ou violados da região da Bom Jesus, Morro Santana, Lomba do Pinheiro e Partenon conforme prevê o projeto básico da FASC relativo ao termo de parceria formalizado; construir plano de intervenção individual e familiar, com a participação da família e rede de atendimento; incidir no processo de proteção e fomentar o protagonismo, a autonomia e a emancipação, em consonância com as expectativas das crianças, adolescentes, adultos e suas famílias; consolidar o atendimento na rede de proteção da região da Bom Jesus, Morro Santana, Lomba do Pinheiro e Partenon de forma integral, transversal e transgeracional apontando à matricialidade familiar; contribuir para a articulação da rede de serviços socioassistenciais de proteção básica e especial com as demais políticas públicas e instituições que compõem o Sistema de Garantia de Direitos e Movimentos Sociais, buscando a ampliação e qualificação dos serviços; proporcionar às crianças, aos adolescentes e adultos, um espaço acolhedor e desafiador com uma perspectiva ética e solidária; contribuir para o ingresso, retorno, permanência e sucesso na escola, com vínculo e articulação contínua com a rede formal de ensino; manter atualizados: o banco de dados e o diagnóstico quantitativo e qualitativo da realidade atendida com vistas a subsidiar propostas de intervenção; realizar abordagens e acompanhamentos descentralizados no Município, de acordo com a territorialização prevista; realizar processos de Mobilização Social, divulgando e sensibilizando a população quanto à problemática da população em situação de rua moradia e/ou sobrevivência e do trabalho infantil visando a superação de preconceitos, corresponsabilidade e compromisso da sociedade; identificar e atender famílias com crianças e adolescentes em situação de rua e/ou trabalho infantil, na perspectiva de sua erradicação; desenvolver conhecimentos sobre o objeto da ação, subsidiando a qualificação dos serviços; contribuir com a produção técnica e prática, de conhecimento sobre a realidade de crianças e adolescentes em situação de rua e trabalho infantil, subsidiando a qualificação dos serviços.

Ações desenvolvidas

As ações desenvolvidas são: Abordagens sistemáticas e solicitadas; observações de situação de rua moradia e/ou sobrevivência; mapeamento do território; visitas domiciliares e institucionais; acompanhamentos individuais e familiares; atendimento individual e familiar; discussões de caso; capacitações permanentes da equipe; registro de dados; elaboração de relatórios e pareceres; articulações com a rede de assistência e demais serviços; mobilização social nos territórios, na cidade e região metropolitana; plantão de finais de semana e feriados, atendendo de modo multigeracional as situações de rua da cidade. Levando em conta, para execução de todas as ações, o protocolo de biossegurança para prevenção da COVID-19 e outras doenças de contágio.

Público Atendido

Crianças, adolescentes, jovens, adultos, idosos e famílias em situação de risco pessoal e social que utilizam os espaços públicos como forma de moradia e/ou sobrevivência, nos territórios do Partenon, Lomba do Pinheiro, Bom Jesus e Morro Santana do município de Porto Alegre. Estão incluídas as crianças e adolescentes em situação de trabalho infantil. Faixa etária: Sem limite

Endereço das unidades:
  • Núcleo Leste

    Este Núcleo é responsável pelos bairros e vilas, respectivamente:Três Figueiras, Vila Jardim, Bom Jesus, Jardim do Salso, Chácara das Pedras, Morro Santana, Jardim Carvalho, Jardim Sabará. Vilas: Vila Divinéia, Vila Nossa Senhora de Fátima, Vila Pinto, Vila Bom Jesus, Sesc, Conjunto Residencial Alto Petrópolis e Vila Brasília. Vilas: Jardim Ipú, Jardim Itú, Nova Chocolatão, Jardim Carvalho (Colina, Grécia, Beco Souza Costa, Joana D’Arc), Morro Santana (Vila das Laranjeiras, Nova Israel, Tijuca, Nova Tijuca), Cefer I e II, Ipê I e II. Endereço: Travessa Porto Seguro, 261 – B. Vila Ipiranga. Contato: 51 33970806/985240218  E-mail: acaorualeste@cpcasfa.org

  • Núcleo Lomba do Pinheiro

    Este Núcleo é responsável pelos bairros e vilas, respectivamente:Lomba do Pinheiro e Agronomia. Vilas: Mapa, Quinta do Portal, Herdeiros, Esmeralda, Bonsucesso, Viçosa, Recreio da Divisa, Pitinga e Agrovet. Endereço:Rua Adão Preto, 173 - Bonsucesso - Lomba do Pinheiro. Contato: (51)30131873 E-mail: acaorualomba@cpcasfa.org

  • Núcleo Partenon

    Este Núcleo é responsável pelos bairros e vilas, respectivamente:Coronel Aparício Borges, Santo Antônio, São José e Vila João Pessoa e, dentro destes, as vilas/comunidades: São Pedro, Maria da Conceição, Campo da Tuca, São Miguel, São Judas Tadeu, Alameda, Vila Vargas, Santa Maria, Morro da Cruz, Ceres, Intercap, Sargentos, Saibreira, Chácara dos Bombeiros, Loteamento São Guilherme e Jardim Bento Gonçalves. Endereço:Rua Everaldo Marques da Silva, 12 – Bairro Partenon. Contato: (51)32894698 - 985240618 E-mail: acaoruapartenon@cpcasfa.org

  • DOE AGORA