Aconteceu no CPCA, no último sábado, dia 26 de abril a Reunião Geral

Mais de 100 colaboradores participaram da reunião geral do CPCA. Todos os colaboradores tiveram a oportunidade de estudar a Política de Proteção à Infância juntamente com momentos de partilhas e integração.

Um encontro marcante em que os profissionais que atuam no cotidiano do CPCA puderam expressar um pouco do que vivem na instituição eu sua relação com cada pessoa; criança, adolescente, família, idoso.

Durante o tempo da reunião, em meio a dinâmicas de grupos, estudos de conceitos, análises e sínteses os profissionais puderam se deixar tocar pelas marcas que são impressas dentro de cada um no trabalho que é realizado e isso, em alguns bons momentos, trouxe à memória cada atendido, seus sofrimentos e conquistas o que, por vezes, fez emocionar e se orgulhar por tanto que se realiza e produz nesta instituição.

O estudo e a retomado do PPI, que  é uma política institucional que visa criar tecnologia social por meio de mecanismos específicos que visam, em suma,  assegurar, para cada criança e adolescente, que a instituição seja um espaço de proteção no qual todos se sintam seguros e possam carregar esta sensação para suas vidas, suas famílias e comunidade.

Essa Política de Proteção à Infância que o CPCA está construindo se une aos princípios institucionais que são o alicerce do trabalho preconizados no sei Projeto Político Pedagógico e inaugura um processo inovador de prevenir, manejar e tratar situações que envolvam alguma forma ou nível de violência contra a criança e contra o adolescente!

Este é um trabalho que o CPCA desenvolve em parceira com importante apoiador que está junto da instituição deste sua fundação que é a KNH, que, por sua vez, tem buscado meios para capacitar e monitorar a instituição a que reúna as condições para desenvolver sua política de proteção.

Everton Silveira
Diretor Pedagogico

DOE AGORA